quinta-feira, 6 de outubro de 2016

EU SOU NACIONALISTA - Jorge Eduardo Garcia

Como fui mal interpretado volto ao assunto:

Eu defendo um nacionalismo desenvolvimentista inserido em um Estado Forte, Soberano, Justo e Igualitário.
Um Estado que respeite as liberdades civis e religiosas, mas sempre de conformidade com sua Carta Magna, essa fruto dos desejos soberanos de seu Povo.
Um Estado que respeite os Direitos Adquiridos e as Conquistas Sociais de seus cidadãos e cidadãs, mas sempre de conformidade com sua Carta Magna, essa fruto dos desejos soberanos de seu Povo.
Um Estado que garanta ao Povo Justiça Plena, saúde, educação, transporte e segurança, mas sempre de conformidade com sua Carta Magna, essa fruto dos desejos soberanos de seu Povo.
Um Estado que respeite a iniciativa privada e a propriedade, mas sempre de conformidade com sua Carta Magna, essa fruto dos desejos soberanos de seu Povo.
Um Estado que em relação a Política Externa mantenha uma posição neutra, ou seja, que não seja associada a nenhuma ideologia de partidos, mas que seja sempre voltada para o combate à pobreza, para o desenvolvimento econômico, para uma melhor integração dos países ao redor do mundo na nova ordem mundial da Informação e Comunicação, e assim buscando, defendendo, realizando esforços, para que seja alcançada por vias diplomáticas a concórdia entre as Nações.
Um Estado que preze pela Carta Magna e pelas Instituições Republicanas.

Jorge Eduardo Garcia
São paulo 6 de outubro de 2016